segunda-feira, 26 de maio de 2014

Adorn

Conheci a banda a uma semana e já a considero uma das melhores no post-rock,os instrumentos são extremamente perfeitos e lindos,todas as musicas são uma junção bem feita,realizada com o violino e os outros instrumentos que formam uma atmosfera que eu nunca havia "sentido".Ainda sei pouco sobre a banda mas realmente tudo no álbum foi bem feito. 
A obra da capa é a "La Belle Dame sans Merci" de Frank Dicksee.

Nota do album:10/10

Nome do album: Grace




Links pra download:





sábado, 24 de maio de 2014

Conhecendo a Morte: Technical Death Metal

O Technical Death Metal é um estilo partilhado por poucas bandas, porém muito influente. O foco é a complexidade musical e a técnica instrumental. Às vezes mostra forte influência do jazz.

Algumas bandas influentes: Atheist; Nocturnus; Death e Necrophagist.


sexta-feira, 23 de maio de 2014

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Behemoth: Deportados pelo tribunal têm 15 dias para abandonar a Rússia


Os músicos do Behemoth foram mesmo deportados de volta para a Polónia. A banda terá que pagar 2.000 rublos (43 euros) por pessoa e foi estipulado um prazo de 15 dias para que a banda recorra da decisão ou saia do país, como definido por um tribunal de Yekaterinburg nos Urais.
Oito membros da banda e da equipa de digressão foram detidos ontem, pelos serviços de imigração devido a alegados problemas com os vistos. As autoridades russas explicaram que os músicos não possuíam o"visto cultural" que dá direito a realizar shows na Rússia, mas apenas um "visto para negócios".
Os órgãos de informação russos, pró-governamentais, procuram salvaguardar a todo o custo a posição russa, mas os relatos sobre as condições de detenção da banda são bastante negros:
A banda polaca terá sido forçada a passar a noite numa cela da polícia em Yekaterinburg, nos Urais, como anuncia agência ITAR -TASS .
" Os membros do grupo passaram a noite sob custódia. Eles estão agora a caminho do tribunal. Os rapazes estão muito cansados e esgotados, sem saber se serão capazes de tocar no show, em Moscou, no dia 25 de maio. A decisão depende do tribunal (…).”
Entretanto, a banda queixou-se de que as tentativas de contactar o consulado polaco saíram frustradas. As condições sanitárias seriam deploráveis “com as paredes pintadas com excrementos” e foram proibidos de usar as casas de banho.
Ainda não há noticia de qualquer decisão da banda acerca da possibilidade de tocarem ou não em shows, durante os 15 dias que ainda têm para permanecer na Rússia. Mais informações aqui.


Fonte: Rockn'Heavy 

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Underground (Brasil) – Nervochaos

Banda paulista, formada em 1996 pelo baterista Eduardo Lane, coleciona ótimos álbuns. Mudanças na formação da banda ao longo do tempo só serviram para amadurecer e aprimorar o som deles. Em 2013 a banda atingiu o seu auge com o álbum ‘’To The Death’’, excelente produção e com incríveis participações especiais de Ralph Santolla (Obituary/Deicide), Alex Camargo (Krisiun), Zhema (Vulcano) e outros.
Sem dúvida um disco que vale a pena ser ouvido, produção impecável a nível global, galera super gente fina e que manda super bem ao vivo.

Nota do álbum: 9/10

Facebook: https://www.facebook.com/NervoChaos



terça-feira, 20 de maio de 2014

Nova parceria!!

Bom, acho que até hoje não tinha anunciado nenhuma nova parceria em post no blog, mas essa valeu muito a pena. 
Parceria fechada com a Dark Radio, uma radio web brasileira que vem sendo a casa do underground do metal a 3 anos,desde de o primeiro ano que a radio existe eu a acompanho, a radio possui alguns dos melhores programas de metal da internet como: Crazy PinUp,Sentimento Underground,etç. 
Eu diria que as todas as musicas que tocam na radio são muito bem escolhidas, sem se quer uma musica que eu diria "merda" haha.
Eu recomendo!!!




A Casa do Underground na Internet!!


sábado, 17 de maio de 2014

Conhecendo a Morte: Prog Death Metal

O Progressive Death Metal ou Prog Death Metal incorpora as características do metal progressivo, tais como: mudança de tempos e ritmos desacelerados, uso de violões, etc. Os artistas alternam entre o vocal limpo e o gutural, a parte instrumental distorcida e agressiva para algo mais lento e sereno.

Algumas bandas influentes: Opeth; Edge Of Sanity; Akercocke e Gojira.



quarta-feira, 14 de maio de 2014

Conhecendo a Morte: Melodic Death Metal

O Melodic Death Metal incorpora um pouco mais de musicalidade, no sentido de ritmos. As bandas de MDM fogem um pouco do ''coração'' do Death Metal, vocais mais rasgados, porém diferentes dos do Black Metal. Um som pesado, no entanto mais aceitável para um público eclético. Hoje em dia o MDM acabou se tornando um estilo próprio que se distanciou do ''original''.

Algumas bandas influentes: At The Gates; Wintersun; Children Of Bodom e Amon Amarth.


terça-feira, 13 de maio de 2014

Entrevista Cangaço !!

"Imaginar é de graça."



Como escolheram o nome da banda?

Precisávamos de um nome marcante, que passasse agressividade e remetesse à nossa região, que é de onde tiramos grande influência para nosso trabalho tanto nas letras quanto na parte musical. O fato de ser um nome em português permite uma melhor assimilação pelo público brasileiro. Trata de um fenômeno que nosso povo vivenciou a não muito tempo e é de conhecimento geral, criando uma forte ligação entre o público e as nossas letras que tratam do assunto. Embora não seja o único tema que abordamos.

O que vocês acham do metal em geral?

Um estilo musical novo e em constante mudança e evolução. Fundamentado na música de protesto, autoconfiança, respeito ancestral, reflexão e provocação. Uma espécie de contracultura que os maiores desafiados são os próprios limites e clichês do estilo, além de códigos sociais e enigmas psicológicos individuais.

O que acham da cena do metal nacional?

Após uma longa gestação, finalmente dando as próprias caras. Criando coragem para contribuir e não copiar o que já foi feito. Aceitando o próprio idioma e história. Isso também vale para nós.

Qual o objetivo das musicas?

Comunicação psíquica com quem teve experiências parecidas conosco ao longo da vida, independente da distância. Identificarmo-nos no público e servir de inspiração para viver a quem despende o sagrado tempo em nos escutar.

Como os integrantes se conheceram?

Magno e Rafael se conhecem desde os 6 anos do colégio e o Mek foi descoberto quando tocava bateria num show do Andromeda em 2010, em Vitória de Sto. Antão, no Blizzard of Rock. Adentrando à banda 2 anos depois. Logo após à gravação do ‘Rastros’.

Vocês imaginavam o tamanho e a aceitação que a banda chegaria?

Imaginar é de graça. E continuamos imaginando que não somos nada comparados a artistas que contribuíram para a arte local em diversas partes do mundo. Ainda temos muito que trabalhar e mostrar.

Desde o inicio pensavam em fazer essa união da musica mais regional com o metal?

Existia o Vectrus, banda que deu origem ao Cangaço. Desde 2009, ainda com esse nome e uma proposta mais genérica, naturalmente a parte musical foi desaguando para referências à memória brasileira nordestina. E intuitivamente arriscamos em seguir o coração e ousar juntar os dois estilos musicais que mais nos emocionam numa proposta mais concreta e ‘True’.

O que pretendem em 2014?

Gostar mais ainda do que fazemos. Ensaiar as músicas novas para gravar um novo disco no final do ano. E tocar aonde nos chamarem.

Como foi ser um representante brasileiro no Wacken Open Air?

Mais que um sonho, um intensivo de organização e profissionalismo por parte da estrutura do festival nos deixou como matutos na cidade grande. Uma honra profunda de receber a confiança dos jurados do concurso, pessoas de respaldo e peso na cena e, acima de tudo, certeza de que era o ‘SOM’ que queríamos para nossas vidas.





Agradeço a banda por aceitar a entrevista,mais uma das bandas que realmente dão as caras e aceitam o próprio idioma e a própria historia.



segunda-feira, 12 de maio de 2014

Conhecendo a Morte: Brutal Death Metal

O Brutal Death Metal é o estilo mais extremo do Death Metal. O subgênero é caracterizado por um vocal extremamente gutural, com letras cantadas de forma lenta seguindo os riffs da guitarra e com bruscas mudanças de tempo. Esse subgênero pode se tornar ainda outro subgênero (um sub-subgênero) que é o Brutal Technical Death Metal que é basicamente o mesmo, porém com mais ‘’detalhes’’ na parte instrumental. Atualmente o Brutal Death Metal se modificou um pouco e assumiu uma temática predominantemente ‘’gore’’ (o mesmo não aconteceu com o TBDM).

Algumas bandas influentes: Cannibal Corpse; Azarath; Nile; Krisiun (Brasil) e Suffocation (TBDM).



domingo, 11 de maio de 2014

Conhecendo a Morte: Blackened Death Metal

O Blackened Death Metal possui uma temática dominantemente ‘’satânica’’, por ser um subgênero que veio de uma mistura (Black)+(Death), sua estrutura é dividida. A parte vocal mistura o vocal gutural (Death) com o vocal ‘’rasgado’’ (Black); mais detalhes na parte técnica (diferentemente da crueza e simplicidade do Black Metal) e um clima mais sombrio que qualquer um dos estilos originários. É basicamente um meio termo entre os estilos.



Algumas bandas influentes: Behemoth; Belphegor; Dissection; Sarcófago(Brasil) e Blasphemy.




Conhecendo a Morte (Novo Segmento)

Nesse novo segmento, iremos conhecer os subgêneros do Death Metal. Todos já estão devidamente apresentados ao estilo, então é hora de nos aprofundarmos ainda mais. Novamente, eu, GColares, serei o seu guia pelos variados estilos que existem dentro do nosso Metal da Morte, Hail Metal !!!



sábado, 10 de maio de 2014

Iniciando no Death Metal Pt.5 (O Fim?)

Terminamos o que começamos com nada mais nada menos que Altars Of Madness, da banda Morbid Angel. Faltam palavras para descrever esse álbum, se existe um trabalho dentro do Death Metal que podemos ranquear como ‘’O número 1’’, tal trabalho é este disco. Duas guitarras principais, baixo audível e presente, ritmo impecável e um vocal mais do que satisfatório foi o que levou esse extremamente talentoso grupo ao sucesso eterno. Influentes, Pioneiros e Lendas... o que mais há para se dizer?

Nota do álbum: 10/10



sexta-feira, 9 de maio de 2014

Iniciando no Death Metal Pt.4

Chegando perto do final da nossa introdução, encontramos mais um álbum que deu origem à algo, Left Hand Path, da banda Entombed, deu início ao que é chamado Old School Swedish Death Metal, o Death Metal Sueco da Velha Guarda (uma tradução próxima). Por estarmos na introdução, apenas digo que o Death Metal sueco é quase uma vertente, uma explicação mais detalhada deixo para outro segmento. Voltando ao álbum, já que é o motivo de minha visita diária, essa obra prima libera algo novo em que a escuta, um belo disco que possui um conteúdo literário altamente relevante e bem construído, um pouco mais melódico que o próprio MDM em alguns aspectos, belos solos e longas passagens instrumentais, sem sombra de dúvidas esta obra prima pertence a todas as ‘’must have list’’ dos metaleiros ao redor do globo.

Nota do álbum: 10/10




quarta-feira, 7 de maio de 2014

Iniciando no Death Metal Pt.3

A terceira parte chegou, e com ela um inovação expressiva, um álbum de Melodic Death Metal, porém não qualquer MDM (Melodic Death Metal), esse álbum pertence à época em que o MDM não era um estilo independente, mas sim uma vertente do Death Metal. O álbum em questão é o Slaughter Of The Soul da banda At The Gates, um som totalmente único e marcante, tão marcante que coloca a banda em pauta toda vez que o assunto é Death Metal. É preciso ouvir para entender o que esse novo estilo é.

Nota do álbum: 10/10


Novo album "Burzum-The Ways Of Yore"


Tracklist: 
God from the Machine 
The Portal 
Heill Odinn 
Lady in the Lake 
The Coming of Ettins 
The Reckoning of Man 
Heil Freyja 
The Ways of Yore 
Ek Fellr (I am falling) 
Hall of the Fallen 
Autumn Leaves 
Emptiness 
To Hel and Back again 


"The Ways Of Yore" é o 12º álbum do Burzum, eu sinceramente não gostei do ultimo álbum ambiental "Sôl austan, Mâni vestan" pois eu diria que ficou com muitos efeitos eletrônicos, e não é algo que eu curto muito pois na minha opinião foge da essencial do black metal. Gostei da capa pois é muito obscura e detalhada.
A espera do lançamento do álbum, foi anunciado dia 16/03/2014, na espera.

terça-feira, 6 de maio de 2014

Iniciando no Death Metal Pt.2

Continuamos nossa lista com uma bela obra de arte que, por motivos desconhecidos, não se tornou famosa em sua época, o álbum Slumber Of Sullen Eyes ,do grupo finlandês Demigod, demonstra a essência do Death Metal, incorporando tudo que é necessário para a criação de um álbum épico. Um som pesado e marcante que deixa fãs onde é tocado, chegou a ser relançado em 2006 e continua sendo um objeto de desejo de colecionadores.


Nota do álbum: 10/10



Queimados Vivos

No dia 2 de maio, na cidade de Odessa,Ucrânia. Mais de 50 ucranianos foram queimados vivos incluindo Anti-Fascistas,Judeus,Russos,etç.


Agora é o momento da forças armadas russas invadirem a ucrânia e limparem-a dos fascistas.

Fonte:Here



Obs:. Eu realmente não vejo problemas com alguns grupos fascistas mas o ocorrido foi extremamente injusto.

Iniciando no Death Metal Pt.1

Começo a nossa lista com Death – Leprosy, a banda é conhecida por ser uma das pioneiras no estilo e foi altamente responsável por fazer o gênero ser o que ele é. Apesar de ter lançado várias obras primas, escolhi o álbum Leprosy por ser o altamente aclamado pelos críticos, com riffs poderosos, uma bateria insana, uma faixa de baixo excelente, uma capa fantástica e o estilo vocal mais poderoso da indústria da música.

Nota do álbum: 10/10

The night stalker - The Chronicles of Natural City

O álbum é muito bem editado e gravado, as musicas estão em uma ordem muito boa, o instrumental muito bom,com violão e teclado. Na musica "Miss Ombrelle" me senti surpreso, a musica me fez lembrar o black metal de 1º geração com muito escuridão na musicas que é de certa forma arrepiante, assim como na musica "Trouble in my head".Vocal muito rouco, mas bom e que não se torna cansativo e sim uma característica da banda.

Nota do Álbum: 9/10

Nome do álbum: The Chronicles of Natural City

Via Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=3RQLaYFVx4I

Facebook: https://www.youtube.com/watch?v=3RQLaYFVx4I


sábado, 3 de maio de 2014

Dead

''Desculpem pelo sangue, eu cortei meus pulsos e pescoço. A intenção era morrer na mata para que eu demorasse alguns dias para ser encontrado. Eu pertenço aos bosques. Ninguém vai entender a razão pelo qual eu fiz isso. Talvez eu não seja um ser humano, isso é apenas um sonho e que em breve despertarei. Se eu não conseguir morrer à faca, vou explodir todo o meu crânio. No entanto eu não sei. Deixarei todas as minhas letras de músicas e o meu dinheiro. Quem achar que fique com esta porra toda. Como a última escolha, me apresento a ''vida eterna.''

Darkthrone 1987/1988

Essa foto é simplesmente incrível Darkthrone em meados de 1987/1988

Fonte: here

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Nephilim

Nephilim é uma horda de Raw Black Metal de Arapongas - PR

A discografias deles consiste em um Ep chamado Failure, lançado em 2013 que conta com 10 músicas.

Facebook: https://www.facebook.com/nephilim.horde?fref=ts

"Arvore sem raiz cai!"


Ghost Bath - Funeral


Um álbum muito bom,as primeiras musicas são muito agoniantes o que é bom para uma banda de DSBM, o vocal muito bem apresentado,letras fortes, o instrumental que eu diria que veio dos deuses,pois é muito bem tocado e os riffs e toda a construção do instrumental foram muito bem feitos e tocados.
A capa do álbum extremante complexa e totalmente conectada com o álbum, a obra da capa foi feita por Sir John Everett Millais feita de 1851 a 1852 e teve o nome como: Ophelia.
Na musica Sorrow eu realmente me surpreendi com a leveza e harmonia da musica que me lembra totalmente a pintura que foi usada como capa do álbum, uma musica perfeita. Continuity outra musica que merece meu respeito,muito bem editada e pensada. Birth uma musica que na minha opinião fez eu repensar o álbum lembrar de cada musica.
Alias todas as musicas ficaram extremante perfeitas e entraram pra lista das musicas que eu mais adorei no mundo do DSBM e do Post-black metal. A banda chinesa que mais gostei até hoje. 

Nota do álbum: 10/10

Nome do álbum: Funeral



Facebook: https://www.facebook.com/blackghostbath

Link pra download:

 Direto:Aqui

Torrent: http://en.metal-tracker.com/torrents/97696.html